Coxinhas mergulhadas na fritadeira

Como fritar salgado congelado: dicas para não errar

“Como fritar salgado congelado sem estourar?” Essa é uma das dúvidas mais comuns que ouvimos dos nossos clientes que iniciam suas atividades no mercado salgadeiro.

De fato o estouro durante a fritura é um dos maiores problemas de quem trabalha com salgados, visto que um salgado estourado não pode ser comercializado, resultando em desperdício de ingredientes, tempo e força de trabalho.

E quando o assunto é salgado congelado, o problema se intensifica a ponto de fazer com que alguns empreendedores descartem a possibilidade de trabalhar com congelados. Isso é  ruim para o negócio, visto que congelar os salgados possibilita servir clientes com mais agilidade e atender encomendas de última hora ou com prazo curto.

Entretanto, a verdade é que seguindo algumas boas práticas, é possível fritar salgados congelados sem mistério e reduzir bastante o risco dos temidos estouros. Para te ajudar nessa missão, preparamos este artigo com dicas de como fritar salgado congelado sem erro. Confira!

Como fritar salgado congelado e deixá-lo perfeito para consumo

Apesar do estouro ser o problema mais comum quando o assunto é como fritar salgado congelado, outros desafios também existem.

Um dos mais comuns é produzir um salgado douradinho e crocante por fora, mas como o recheio frio ou até mesmo congelado por dentro.

O encharcamento também é um problema recorrente e que faz com que o salgado perca totalmente a sua consistência e sabor.

Por isso, a seguir vamos dar dicas de fritura de salgados congelados para que você alcance o salgado perfeito, ou seja, sem estouros, quentinho e crocante. Vamos lá?

Massa e recheio de qualidade

Um bom resultado final é fruto de todo o processo de produção de salgados.

Portanto, usar bons ingredientes influencia tanto no processo de congelamento como de fritura.

É importante trabalhar com uma massa consistente e recheios com ingredientes que não gerem muita água, pois é o vapor de água dentro do salgado que causa as explosões durante a fritura. 

Um fator importante na produção de salgados é se atentar à espessura da massa e quantidade de recheio. Uma parede de massa muito fina ou recheio demais podem fazer com que o salgado estoure durante a fritura.

Por isso, o mais indicado é usar uma máquina modeladora de salgados. Assim, você garante uma padronização tanto na quantidade de massa e recheio, como na espessura da parede do salgado.

Nunca descongele

Talvez essa seja a dica mais importante sobre como fritar salgado congelado.

Salgados congelados nunca devem ser descongelados antes da fritura.

O descongelamento modifica a consistência do salgado aumentando as chances da massa quebrar devido a umidade da própria massa e também do recheio, ocasionando estouros durante a fritura e consequentemente, prejuízo.

Além disso, essa perda de consistência altera o visual do produto e também o sabor de um salgado fresquinho.

A forma correta de fritar salgados congelados é retirá-los do freezer cerca de dez minutos antes da fritura para que eles “derretam” um pouco, perdendo aqueles floquinhos de gelo, mas sem descongelar por completo. Após esse tempo, você já poderá fritá-los.

Banner da Máquina de Salgados Rimaq

Óleo na temperatura correta

Salgados congelados devem ser fritos em óleo com temperatura entre 180º e 200ºC.

Abaixo desta temperatura, os salgados podem ficar encharcados ou estourar. Acima, correm o risco de dourar por fora e ficarem crus e frios por dentro.

Para controlar bem a temperatura do óleo, é importante trabalhar com uma fritadeira elétrica profissional ou um termômetro de cozinha.

Imersão completa em óleo

Para fritar salgados congelados com sucesso, eles devem ficar totalmente submersos no óleo.

O indicado é que o nível de óleo na fritadeira ultrapasse pelo menos 1 cm acima dos salgados. Assim, eles ficarão imersos em óleo mesmo com o movimento gerado dentro da fritadeira.

Tempo de fritura

O tempo de fritura dos salgados é tão importante quanto a quantidade e temperatura do óleo.

Este tempo varia de acordo com o tamanho do seu salgado congelado. De forma geral, salgados de festa podem ficar no óleo uma média de 2 minutos e salgados maiores, de 3 a 4 minutos. 

Deixar o salgado muito tempo imerso no óleo é um dos principais motivos de ele estourar. Portanto fique atento. Se a temperatura do óleo estiver correta, os salgados podem ser retirados quando estiverem dourados.

Escorrimento o óleo

Escorrer bem o óleo e deixar o salgado descansar antes de servir são medidas tão importantes quanto a fritura em si e dicas importantes quando o assunto é como fritar salgado congelado.

Ao contrário do que se pensa, salgados não devem repousar sobre papel toalha. O correto é deixá-los escorrendo suspensos, sobre uma peneira, de forma que o ar possa circular por cima e por baixo.

Para os salgados pequenos recomenda-se deixá-los descansando por 2 minutos para escorrer bem o óleo e também para que o calor obtido durante a fritura aqueça o interior do salgado.

Já para salgados grandes, além do tempo para escorrer o óleo, recomenda-se colocá-los no forno pré-aquecido a 150ºC e mantê-los ali por 5 a 6 minutos para que o interior dos salgados também seja aquecido.

Tudo isso é importante para que o salgado fique quentinho por dentro e crocante e sequinho por fora.

Esperamos que com estas dicas de como fritar salgado congelado você tenha perdido o receio da fritura e possa trabalhar tranquilamente com congelados.

Afinal, o congelamento é uma prática comum no mercado salgadeiro e essencial para negócios que querem crescer e produzir em escala.

Se este é o seu caso, não deixe de conhecer a Fábrica de Salgados Rimaq. São três máquinas Rimaq  – Masseira, Modeladora e Empanadeira – que levarão a sua produção de salgados a outro nível!