Massa de salgados mesa farinha empanar

5 dicas de como fazer a massa para salgados de maneira mais ágil

É um grande desafio trabalhar com produção de salgados em grande escala e ainda mantendo o padrão de qualidade, até mesmo para quem já atua na área há muito tempo. Alguns profissionais do ramo ficam em dúvida sobre como fazer a massa para salgados de maneira mais ágil e ter o controle do processo de produção.

Isso se faz necessário para entregar um alimento sempre com a mesma qualidade; evitar desperdícios de ingredientes durante a produção; e vender para os clientes produtos com as características e peso iguais ao que foi negociado. A troca de fornecedores, a pesagem incorreta dos ingredientes ou a moldagem manual podem alterar o sabor dos salgados. Para evitar que isso aconteça, é necessário seguir todo um planejamento e a rotina de produção.

Pensando nisso, trouxemos 5 dicas sobre como deixar a produção de massa para salgados mais ágil. Confira!

1. Desenvolva um sistema de produção

Cada um tem sua própria receita e um jeito diferente de fazer os salgados, mas esse jeito precisa ser registrado. Quando você tem por escrito tudo o que faz, bem detalhado, está criando um sistema de produção.

Criar um sistema é fundamental para que você consiga controlar o que está sendo feito e avaliar onde pode melhorar, e uma coisa é certa: sempre é possível melhorar! Mas se você não consegue enxergar claramente como o trabalho é feito, não tem condições de aprimorar o que é feito.

2. Desenhe um fluxograma dos processos de produção

Primeiramente, é preciso desenhar um fluxograma de todo processo produtivo desde o começo: passando pela produção em si, a forma como as mercadorias são armazenadas, até estocagem, embalagem e fornecimento. Assim, pode-se analisar se é possível comprar menos produtos, por exemplo, ou ainda ver que utilizar os produtos de uma dada forma na bancada deixa a produção mais eficiente.

É fundamental realizar também a gestão financeira, pois é com ela que será possível compreender de fato como deve conduzir o seu negócio. Há diversas planilhas e aplicativos que auxiliam na gestão financeira, como o QuickBooks, porém, se encontrar dificuldades, não se prenda a isso. Pelo menos no início, anotações diárias de tudo que entra e sai dão conta do recado.

3. Siga as etapas corretas de produção da massa de salgados

Seguir as etapas da produção de massa para salgados não é muito diferente de acompanhar uma receita. Pode ser essencial para o sucesso acompanhar os seguintes passos.

Escolha ingredientes, fornecedores e estocagem

Utilize os melhores ingredientes com fornecedores que ofereçam preços justos. Além disso, é preciso ter um espaço adequado para armazenagem dos alimentos perecíveis e não perecíveis.

Pese os ingredientes para massa e recheio

É necessário pesar tudo que é utilizado durante a produção, a fim de se manter a qualidade e o padrão dos salgados. A variação na farinha ou na quantidade de um tempero pode mudar a textura ou o sabor da massa ou do recheio.

Prepare a massa e o recheio

Para o preparo da massa utilize a Masseira Degust Junior da Rimaq, simplificando e agilizando seu trabalho. Para fazer 5 kg de massa, você precisará de:

  • ½ quilo de mandioca cozida;
  • 500 ml (2 copos) de farinha de trigo (peneirada);
  • 2 colheres (sopa) de margarina ou manteiga;
  • 500 ml (2 copos) de leite;
  • 1 tablete de caldo de galinha.

Modo de preparo

  • acenda a masseira em fogo baixo. Insira nela o leite, o caldo de galinha e a manteiga. Ligue-a na velocidade 100 e deixe misturar os ingredientes;
  • desligue a velocidade e deixe ferver de 10 a 15 min. Logo após, junte a farinha de trigo e ligue-a novamente na velocidade 100. Bata mais um pouco e deixe cozinhar em torno de 10 min;
  • após desligar o fogo, bata por mais 3 min e desligue a máquina. Para retirar a massa com mais facilidade, basta passar manteiga nos cantos do recipiente. Destrave e retire a pá da máquina. Vire a panela para retirar a massa;
  • espere a massa esfriar para começar a modelar o seu salgado. Coloque o recheio e feche-a. Depois, é só fritar em óleo bem quente.

Durante o preparo, tenha cuidado com o tempo de cozimento da massa — utilize um relógio ou timer para determinar e registrar o tempo de cada passo do processo. Isso também vale para os recheios, além de registrar o tempo gasto para o corte de frios que utilizará.

Modele o salgado

Para atingir o padrão, esse é um dos passos mais meticulosos, pois é o que mais acomete o visual do salgado. Principalmente, quando estão ordenados um ao lado do outro, salgados iguais que apresentam tamanho e formatos diferentes não causam boa impressão. Utilizar uma máquina de salgados para a moldagem otimiza a padronização do seu formato.

Congele, embale e armazene

Quando os salgados estiverem prontos, coloque-os em embalagens adequadas, não se esquecendo de etiquetá-las com data de fabricação e validade. Depois, é preciso congelá-los na temperatura de -10°C — a mais indicada.

4. Cuide da higiene

É essencial ter cuidados com a higiene quando o assunto é alimento, a fim de preservar a saúde dos consumidores. Para tal, o empreendedor desse ramo precisa ficar atento à higiene durante toda a produção e estocagem dos salgados — solicitando sempre que os envolvidos com a produção tenham o máximo de cuidado.

É necessário limpar o maquinário periodicamente, para evitar a contaminação dos salgados. Ter uma produção ágil não é somente lucrar, é também produzir com mais higiene e qualidade. Porém, para tal, é preciso que os empreendedores se formalizem e sigam as normas sanitárias da ANVISA.

Com isso, demonstrará profissionalismo e evitará multas ou até mesmo ter seu negócio fechado. Outra ótima dica é nortear os revendedores e consumidores finais sobre como manipular os salgados de forma higiênica — evitando sua contaminação.

5. Faça a distribuição dos salgados da forma correta

É muito importante fazer a distribuição dos salgados da forma correta para evitar desperdícios e também o retrabalho. Ao contar com o auxílio de uma máquina, a produção fica muito mais ágil e se torna mais fácil atender a um maior número de pedidos e também diferenciar o atendimento.

Por esse motivo, o empreendedor deve analisar o que é mais lucrativo e eficiente na hora de vender os salgados, se é vender para muitos clientes aumentando a clientela ou vender para os que já tem, porém, em maior quantidade. As máquinas de salgados não elevam somente o volume de produção, mas também a variedade.

Por fim, adotando essas práticas sobre como fazer massa para salgados para uma produção mais eficiente, ficará muito mais fácil aumentar sua produção e lucrar mais com seu negócio.

Lembrando que o uso de maquinário para agilidade e padronização do processo pode fazer toda a diferença. Investir em uma máquina de salgados traz mais praticidade, além de ser um bom investimento em longo prazo.

Você curtiu nosso post sobre massa para salgados? Então deixe seu comentário abaixo e compartilhe conosco e com os nossos leitores a sua opinião sobre o assunto!