Clique aqui e solicite | um Orçamento

 

Mercado de Fraldas Descartáveis

O segmento de fraldas descartáveis é dividido em dois nichos: infantil geriátrico

Antes de operar a máquina é necessário preparar previamente as matérias-primas para consumir em lotes de acordo com o esquema de fabricação.

Relacionamos abaixo as matérias-primas utilizadas na fabricação de fraldas, para melhor familiarização dos nomes e uso das mesmas.

Manta de celulose e gel: Utilizada como recheio da fralda com finalidade de absorver os líquidos.

Filtrante: Tecido especial permeável, utilizado para evitar o contato direto da pele sobre a manta e o polietileno.

Polietileno (plástico):
 É utilizado como elemento impermeável e no qual é passada a cola para fixar tanto o filtrante como a manta de celulose.

Adesivo Hot Melt (cola em barra/sachet):
 A cola deve abastecer o coleiro ou pré-coleiro para ser derretida. Sua finalidade, após ter sido derretida é formar no polietileno trilhas para fixação do filtrante, elástico e manta.

Fita Adesiva Reposicionável: Utilizada uma tira de cada lado da fralda para fixação no corpo.

Fia Adesiva Decorativa (para fralda infantil): Utilizada na frente da frente com o intuito de decorar a fralda.

Elástico de caixa (6 Pontas): Para ser colocada na fralda, com 03 pontas de cada lado, para franzir e ficar Justo nas laterais da fralda.

Processo de Fabricação:
Existem três tipos de processos para a fabricação das fraldas descartáveis, que são:

Processo Manual:  Entre um eixo de arruelas e um eixo dosador de cola irá passar o polietileno que já com cola irá permitir que o elástico, a manta e o filtrante se aderem a ele – perfazendo a fralda em si.  Será colocada a manta de celulose, manualmente, sobre o polietileno e puxar em seguida para que o filtrante cubra o polietileno e a manta.  Após fabricar os tamanhos desejados, cortar as medidas estabelecidas pelo molde.
Colocar as fitas adesivas decorativas e reposicionar; Pulverizar com a ajuda de um spray a colônia para dar cheiro à fralda; Dobrar e embalar.

Processo com manivela: A vantagem desse processo é que a máquina realiza a junção do polietileno e do filtrante entre dois rolos um sobre o outro que são acionados quando se gira a manivela, assim elimina o contato manual na colagem sendo que cabe ao operário somente colocar a manta de celulose sobre a manta de plástico e girar a manivela. O restante do processo é o mesmo do manual: cortar as fraldas de acordo com os tamanhos, colocar as fitas adesivas, dobrar e embalar.

Processo motorizado: A vantagem desse processo e a automatização que ao acionar o pedal ou botão faz com que os materiais deslizem sobre a mesa, cabendo ao operário abastecer a máquina com a manta. O restante do processo é o mesmo do manual: cortar as fraldas de acordo com os tamanhos, colocar as fitas adesivas, dobrar e embalar.

Para o acabamento disponibilizamos mesas, máquinas e guilhotinas.

Cuidados que devem ser tomados durante a fabricação:
Os materiais utilizados são devidamente tratados e pré-esterilizados pelo fabricante e devem ser mantidos em condições de higiene para se evitar contaminação.
Preservar absolutamente limpo o local de trabalho protegendo o equipamento as matérias-primas e os produtos acabados, de poeira ou sujeira. Se possível esterilizar com álcool todos os equipamentos utilizados, além de trocar a touca, luva e os outros vestuários regularmente.
Não permitir que ninguém fume no local de trabalho, pois as matérias-primas são muito sensíveis ao odor de fumaça que se impregna facilmente na manta e no filtrante.
Como a fralda e uma peça íntima, que permanece em contato direto com a pele, qualquer deslize na fabricação pode ser fatal aos fabricantes, por isso, após a compra de uma máquina, é necessário manter um rigoroso controle de qualidade.
É importante embalar os produtos acabados na medida em que saem da máquina para o
acabamento final.
Usar as mantas nas medidas programadas.
Dispor de uma caixa de papelão, ou cesto grande e limpo para colocar o material que sai da máquina a fim de ser acabado.
Dispor de um gabarito, estilete, tesoura e seladora para fechamento das embalagens.

Embalagem: As fraldas e os absorventes devem ser embalados em saquinhos plásticos, podendo ser fechados com a nossa seladora. Os sacos opacos ou leitosos são melhores que os transparentes.

Personalizar:
 Caso não disponha de embalagem personalizada, use uma etiqueta autocolante com informações sobre seu produto como: seu nome ou da sua empresa, telefone, tamanho e quantidade.

A Rimaq está sempre disponível para quaisquer duvidas que possam aparecer ao longo do caminho.

Entre em contato conosco via e-mail: [email protected] ou telefone  (11) 3030-1300.

Rimaq Play